O começo
Os pais José e Iná
 Os tios Ida e Paulo, segundos pais
Infância

 

Em família
Na luta contra ditadura
Por um Brasil brasileiro

 

Em missões internacionalistas
Claudio participou sem deixar registro de inúmeras missões internacionalista na década de 1970 e 1980 na Nicarágua, Líbia, e vários países da América Latina. Na França, em 1978 foi discutir com exilados brasileiros que viviam em Paris sobre a anistia e a volta de muitos deles que queriam continuar aqui a luta contra a ditadura. Nessa época aproveitou para estudar durante seis meses na Biblioteca do Instituto Maurice Thorez os Processos de Moscou, luta pela construção do socialismo na URSS e o papel de Stalin.
No Brasil recebendo delegações estrangeiras Na Coreia socialista Em Cuba Na Russia Na China Na França
 A história continua
Para lembrar e homenagear companheiros da vida inteira de Claudio, Nelson Chaves, Antônio Alves, Eduardo Fernandes, Antônio Carlos de Carvalho, Prof. Eduardo de Oliveira e Claudio Fajardo, que dedicaram sua juventude e toda sua vida a luta do povo brasileiro.
Nelson Chaves
Antônio Alves
Eduardo Fernandes
Professor Eduardo de Oliveira
Antônio Carlos de Carvalho
Claudio Fajardo

FUNDAÇÃO INSTITUTO CLÁUDIO CAMPOS